Publicado por: sdaviseu | 6 de Abril de 2013

Igreja: Franciscanos de Portugal reelegem padre Vítor Melícias para superior

Religioso entra no terceiro mandato como ministro provincial

Os religiosos da Província Portuguesa dos Franciscanos reelegeram o padre Vítor Melícias para assumir o cargo de superior geral da congregação no triénio 2013-2016, revela a página da fraternidade.

A votação contou com a participação dos cerca de 50 irmãos da Ordem dos Frades Menores que estão reunidos desde segunda-feira no Convento de São Boaventura, em Montariol, Braga, para o Capítulo Provincial, que se prolonga até sábado.

O frei Vítor José Melícias Lopes, que entra no terceiro mandato consecutivo como ministro provincial, cargo que assume desde 2007, nasceu em Ramalhal, Torres Vedras, em 1938, professou solenemente os votos em 1959 e foi ordenado padre em 1962.

Concluiu os cursos de Filosofia e Teologia do Seminário Franciscano, a licenciatura em Direito Canónico na Universidade Antonianum, de Roma, e a licenciatura em Direito na Universidade Clássica de Lisboa.

Além dos cargos que desempenhou na Ordem dos Frades Menores em Portugal e na Europa, o frei Vítor Melícias tomou posse em 2010 como membro efetivo do Comité Económico Social Europeu, com sede em Bruxelas.

Os religiosos também elegeram para o mesmo triénio o frei João Dias Vicente para vigário provincial, cargo criado para auxiliar o superior geral e substituí-lo quando estiver ausente ou impedido, bem como quando o seu ofício vagar.

Isidro Lamelas, Bernardo d’Almeida, Mário Silva, José Pereira e José Faria foram eleitos membros do Definitório Provincial, órgão colegial que presta ajuda ao superior geral, além de conselho ou consentimento.

Em entrevista concedida antes do Capítulo Provincial ao programa ECCLESIA, transmitido de segunda a sexta-feira às 18h00 na RTP-2, o padre Vítor Melícias defendeu a necessidade de a congregação “dar prioridade ao apoio aos pobres” e afirmar uma “presença missionária” marcada pela “nova evangelização”.

A Ordem dos Frades Menores, fundada por São Francisco de Assis (c. 1181-1226), foi restaurada em Portugal a 18 de outubro de 1891, tendo então adotado por patronos os Santos Mártires de Marrocos.

A Província Portuguesa da Ordem Franciscana tem 126 membros, a residirem em 15 fraternidades, e conta com missionários na Guiné-Bissau, Cabo Verde e África do Sul.

RJM/OC | in agência ecclesia

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: